Voo partiria da cidade americana com destino a Brasília, na quinta-feira (9).
Segundo a TAM, ameaça era falsa e nenhum risco foi detectado.

Um sorocabano de 22 anos está preso emMiami, nos Estados Unidos, por suspeita de enviar mensagens de ameaças de bomba em voo para a polícia e a empresa TAM Linhas Aéreas. Francisco Fernando Cruz mora no país há dois anos e teria mandado as mensagens de dois computadores: de uma faculdade e do apartamento onde morava, ambos na cidade de Montclair, em Nova Jersey.

A prisão aconteceu na quinta-feira (9), no aeroporto de Miami, de onde o avião partiria com destino a Brasília. A polícia revistou a bagagem do rapaz, mas nenhum dispositivo que pudesse provocar algum tipo de acidente foi encontrado. Vários sites de notícias dos Estados Unidos divulgaram a prisão.

Sorocabano é preso em aeroporto de Miami após falsa ameaça de bomba (Foto: Reprodução/Jornal Nacional)Sorocabano foi preso no aeroporto de Miami
(Foto: Reprodução/Jornal Nacional)

A família do rapaz alegou que não acredita no envolvimento dele com as ameaças e disse que ele voltaria para Sorocaba (SP) para renovar o visto de permanência nos Estados Unidos.

As autoridades do setor de segurança aérea dos Estados Unidos querem que ele responda judicialmente peças ameaças. O Itamaraty informou que o Consulado Brasileiro, em Miami, já está acompanhando caso.

Em nota, a assessoria da TAM Linhas Aéreas, afirmou que foi notificada pelas autoridades do EUA sobre a suposta presença de bombas a bordo de uma de suas aeronaves.

“Para garantir a segurança dos clientes e da tripulação, a companhia, como já fez em outras circunstâncias de alarme falso, reforçou a inspeção de todas as cargas despachadas, assim como aos passageiros”, diz a nota. Ainda segundo a TAM, após investigações, foi confirmada que a ameaça era falsa. “Nenhum risco foi detectado à segurança do voo JJ8043. A aeronave decolou normalmente na sexta-feira (10), no horário previsto”, completa a nota.
Fonte: G1.com